Arquivo mensal: Setembro 2015

CDU (PCP-PEV) Exposição Fotográfica sobre a má qualidade dos recursos hídricos

Amanhã – 30 de Setembro – Viseu

 Exposição Fotográfica sobre a má qualidade dos recursos hídricos

 A CDU (PCP-PEV) realizará amanhã dia 30 de Setembro uma exposição de fotografias, na Rua Formosa, em Viseu às 15h30m sobre o péssimo estado em que se encontram os recursos hídricos do distrito.

Esta iniciativa promovida pelo PEV no âmbito das próximas eleições legislativas, pretende por um lado alertar a população para as deficiências e debilidades  no  tratamento das  águas residuais com consequências gravíssimas para o ambiente e saúde pública, e por outro alertar os cidadãos para a necessidade urgente de uma nova política que seja  capaz de responder não só aos problemas ambientais como travar a delapidação de direitos e o empobrecimento do povo português  que tem sido seguido por PSD, CDS e PS.

Na iniciativa para além dos candidatos do PEV, na lista da CDU, Isabel Souto e Miguel Martins, estarão presentes candidatos e ativistas da Coligação Democrática Unitária.

Campanha do PS aumenta intensidade

Em Mangualde numa agenda muito preenchida de contactos – Idas à Santa Casa Misericórdia de Mangualde, à Systeel , uma empresa na área da engenharia e com negócios na Arábia Saudita;  ao Complexo Paroquial ; à CBI e à à MAZUR Fashion, nas confeções para um salto final à estação de caminho de ferro , confirmam o grande potencial do concelho e a grande atenção com que a Câmara Municipal segue todas as áreas de atividade. Previsibilidade fiscal e estabilidade laboral para além de uma expetativa futura relativamente ao quadro comunitário e à modernização da ferrovia marcaram este dia de campanha

LAMEGO, MANGUALDE E VISEU VISITADAS POR CARAVANA NACIONAL DO LIVRE/TEMPO DE AVANÇAR

visita centro saúde

visita centro saude2

Ana Drago e Rui Tavares estiveram presentes no Distrito de Viseu, no dia 28 de Setembro, em visita pela Caravana Nacional da candidatura cidadã do LIVRE/TEMPO DE AVANÇAR (L/TDA). A manhã começou em Lamego, com uma distribuição de rua, seguindo-se as visitas ao Centro de Saúde de Mangualde e à Escola Superior de Educação de Viseu (ESEV), encerrando o dia com um jantar-debate no Café-Esplanada do Rossio, em Viseu. Acompanharam a caravana Silvia Vermelho, cabeça-de-lista do L/TDA-Viseu e as restantes candidatas e candidatos da lista do L/TDA pelo círculo de Viseu.

Na visita ao Centro de Saúde de Mangualde, o L/TDA obteve todos os esclarecimentos necessários pelo Diretor do Agrupamento dos Centros de Saúde de Dão Lafões que, em conjunto com os profissionais do Centro, nos acompanhou nesta visita. A autarquia, também convidada pelo L/TDA para acompanhar esta visita, não pôde estar presente. O L/TDA não aceita que as políticas públicas persistam em desistir dos territórios, criando um ciclo vicioso de desertificação e encerramento ou diminuição da cobertura dos serviços públicos. Ficou patente que, apesar dos esforços encetados pelos ACES e seus profissionais em assegurar a prestação de cuidados de saúde a toda a população, as políticas de saúde no SNS continuam a comprometer a manutenção dos serviços existentes. O Serviço de Atendimento Permanente do Centro de Saúde de Mangualde deve manter-se em funcionamento, pois são os serviços de proximidade que fazem as cidadãs e os cidadãos sentirem-se seguros em viver num determinado território, contribuindo para a coesão social. Ao mesmo tempo, o L/TDA demonstra a preocupação de isto vir a acontecer num quadro de abertura de um novo hospital privado em Viseu e a vulgarização do atendimento permanente no privado, que se tornam, assim, as únicas alternativas às urgências do Hospital de Viseu, durante a noite, potenciando as desigualdades no acesso das cidadãs e dos cidadãos aos cuidados de saúde.

GNR

DETENÇÃO POR CAÇA

O Núcleo de Proteção Ambiental do Destacamento Territorial da Guarda Nacional Republicana de Viseu, no dia 28 de setembro de 2015, na freguesia de Sul – São Pedro do Sul, procedeu à detenção de um indivíduo de 36 anos de idade, residente naquela freguesia, por crime de caça por meios proibidos (laço).

Foram apreendidos 18 laços usados para caçar javalis.

O detido vai ser presente ao Tribunal Judicial de São Pedro do Sul, no dia de hoje.

“Evina Limpa Chaminés e Outras Histórias de Amor” SOBE AO PALCO EM MANGUALDE 1 DE OUTUBRO, 14h00, BIBLIOTECA MUNICIPAL DR. ALEXANDRE ALVES

O espetáculo “Evina Limpa Chaminés e Outras Histórias de Amor” vai subir ao palco em Mangualde no próximo dia 1 de outubro. Integrado nas comemorações do Dia Internacional do Idoso, este espetáculo pode ser visto na Biblioteca Municipal de Mangualde, a partir das 14h00, e destina-se aos seniores mangualdenses.

Trata-se de espetáculo de contador de histórias para adultos com uma forte componente de música ao vivo criado e interpretado por dois artistas profissionais Graeme Pulleyn (actor) e Carlos Clara Gomes (músico). São três histórias num momento de muita descontração. As histórias são interpretadas de uma forma teatral e dinâmica com apontamentos musicais e intercaladas com canções de amor de Portugal e do mundo, num espetáculo que no seu conjunto abrange a comédia, a tragédia, a poesia e a fantasia.

“Evina Limpa Chaminês” conta a história de uma jovem camponesa que tem uma voz encantada e que abandona a sua terra natal e o amor da sua vida para cantar nas grandes casas de opera do mundo, esquecendo-se de tudo que eram as suas raízes. Mas quando os anos começam a pesar e a voz começa a falhar, Evina acaba por voltar para a pequena casa a beira do lago onde nasceu e cresceu e descobre que Vermund, o amor da sua juventude ainda espera por ela.

“Os Dois Viuvos” é a divertida história do viuvo Slaerka e da viuva Laada, que tem têm um ódio tão grande um ao outro que não se conseguem ver, quanto mais falar. Vivem, ele na colina de cá, ela na colina de lá e não há dia que passe sem se zangarem um com o outro. Até que um dia a filha de Slaerka, se apaixona pelo filho da Laada e contra todas as expectativas os dois velhos começam a preparar as bodas com o maior entusiasmo. Só depois do desastroso casamento é que tudo se torna mais claro e termina a narrativa com um duplo final feliz.

 

“A Ilha dos Corvos” é um conto de amor, cheio de fantasia, de poesia  e de mistério. Uma jovem de uma beleza extraordinária vivia sozinha com a sua velha mãe numa terra de pescadores de bacalhau à beira mar. A frente da pequena aldeia havia um ilhéu chamado a Ilha dos Corvos, onde ninguém conseguia chegar devido as fortes correntes e o turbilhão do mar. Muitos jovens pescadores quiseram casar com ela, mas a todos ela dizia: “Caso contigo se me trouxeres o anel que está enterrado no topo da Ilha dos Corvos”. Muitos desistiram, outros ainda tentaram, mas falharam, até que um dia chegou à aquela terra um jovem vindo do sul.

TARDE DE CONVÍVIO PARA ASSINALAR DIA INTERNACIONAL DO IDOSO

Mangualde celebra mais uma vez o Dia Internacional do Idoso com a realização de uma tarde de convívio e animação na Biblioteca Municipal de Mangualde Dr. Alexandre Alves. A iniciativa arranca pelas 14h00. Dirigida a todos os seniores do concelho, esta iniciativa decorre da implementação do Plano de Ação da Rede Social de Mangualde no âmbito do Eixo de Intervenção “Capacitar para o Envelhecimento Ativo” e consiste numa tarde de animação e ateliers diversificados, onde os seniores mangualdenses se poderão divertir e passar um dia diferente. A entrada é livre mas a inscrição obrigatória até 25 de setembro para margarida.chaves@cmmangualde.pt ou 232 619 880. 

O Dia Internacional do Idoso foi instituído a 1 de Outubro de 1998 pela Organização das Nações Unidas (ONU). A proclamação deste dia tinha como objetivo lançar atenções para o reconhecimento do envelhecimento demográfico da humanidade, a fim de criar compromissos para o amadurecimento de atitudes e potencialidades em empreendimentos sociais, económicos, cultural e espirituais, criando condições para a paz e o desenvolvimento no próximo século.

GNR

O Comando Territorial de Viseu, no decorrer do último fim-de-semana (26 e 27 de setembro), no âmbito de fiscalização rodoviária, fiscalizou 129 condutores, tendo sido detidos 2 condutores por condução sob o efeito de álcool e elaborados 34 autos de contraordenação, destacando-se 15 excessos de velocidade, 6 por condução com taxa de álcool no sangue superior ao permitido por lei, 1 por falta ou incorreta utilização do cinto de segurança e/ou sistema de retenção para crianças, 1  por uso indevido do telemóvel no exercício da condução, 1 por falta de seguro de responsabilidade civil obrigatório.