Arquivo diário: 9 de Outubro de 2015

‘SEXTAS DE LUA’ COM Leituras Enfeitiçadas

leituras

CAMINHADA NOTURNA COM LEITURAS, DANÇAS E TRAVESSURAS

Ponto de Encontro: Largo Dr. Couto (20h30)

Na noite do próximo dia 30 de outubro, a Câmara Municipal Dr. Alexandre Alves, em Mangualde, vai assinalar mais uma vez o Halloween, promovendo ao mesmo tempo a leitura, com mais uma edição de «Leituras Enfeitiçadas». A iniciativa integra a edição de outubro do projeto: ‘SEXTAS DA LUA’ e vai contemplar uma caminhada noturna com leituras, danças e travessuras que começa às 20h30, no Largo Dr. Couto.

Durante a caminhada, estão programadas diversas paragens onde acontecerão vários momentos criativos, como dança, musica, leitura e jogos. Os participantes devem trazer roupa confortável com respetivo adereço temático. O percurso termina da Biblioteca Municipal, onde serão realizadas mais algumas apresentações por vários jovens participantes. Nessa noite será ainda realizada a entrega de prémios do concurso “Marcadores Mágicos” realizado pelo Agrupamento de Escolas de Mangualde. É de salientar que no caso das condições atmosféricas serem adversas à caminhada noturna, todas as atividades previstas para o exterior acontecerão no interior da Biblioteca Municipal.

Nesta iniciativa, dirigida a crianças acompanhadas pelos pais, vamos ter mais um evento dedicado aos contos tradicionais, onde a figura da bruxa tem um papel significativo, simbolizando o mal por oposição ao bem e à beleza e cujo objetivo é aproximar o público dos livros.

 ‘SEXTAS DA LUA’ ENVOLVE A PALAVRA E A MÚSICA

O projeto ‘SEXTAS DA LUA’ tem permitido que, na última sexta- feira de cada mês, a comunidade vivencie momentos culturais que envolvem a palavra e a música. Cada noite tem um tema que serve de mote para diversas performances: conversas com escritores, dramatizações teatrais, performances de dança, leitura de textos em prosa ou poesia, entre outras formas de expressão, sempre com a música presente.

GNR

DETENÇÃO POR CAÇA

O Núcleo de Proteção Ambiental do Destacamento Territorial da Guarda Nacional Republicana de Lamego, no dia 8 de outubro de 2015, na Serra das Meadas – Lamego, procedeu à detenção de um indivíduo de 53 anos de idade, residente no concelho de Lamego,  por exercer o ato venatório em área percorrida por incêndio.

Foi apreendida 1 caçadeira, 1 cartucheira, 28 munições e dois coelhos.

O detido foi presente ao Tribunal Judicial de Lamego, tendo ficado com pena suspensa e sujeito ao pagamento de uma multa de €200, a favor dos bombeiros locais.

GNR

Atividade operacional da última semana

A Guarda Nacional Republicana, para além da sua atividade operacional diária, levou a efeito um conjunto de operações, em todo o território nacional, na semana de 02 e 08 de outubro, que visaram a prevenção e combate à criminalidade violenta, fiscalização rodoviária, entre outras, registando-se os seguintes dados operacionais:

  • Detenções:
    • 429 detidos em flagrante delito, destacando-se:
      • 234 por condução sob o efeito do álcool;
      • 51 por condução sem habilitação legal;
      • 48 por tráfico de estupefacientes;
      • 16 por posse de arma proibida;
      • 16 por furto.
      • Apreensões:
        • 4 874 doses de haxixe;
        • 610 doses de cocaína;
        • 285 doses de heroína;
        • 400 gramas de anfetaminas;
        • 13 plantas de cannabis;
        • 33 armas de fogo;
        • 34 armas brancas;
        • 728 munições;
        • 35 veículos;
        • 22 865 euros.
        • Trânsito:
          • 23 984 condutores fiscalizados e 7 991 infrações detetadas, destacando-se:
            • 1 582 excessos de velocidade;
            • 585 por condução com taxa de álcool no sangue superior ao permitido por lei;
            • 383 por falta ou incorreta utilização do cinto de segurança e/ou sistema de retenção para crianças;
            • 383 relacionadas com tacógrafos.
            • 377 por uso indevido do telemóvel no exercício da condução;
            • 233 por falta de inspeção periódica obrigatória;
            • 120 por falta de seguro de responsabilidade civil obrigatório.