Arquivo diário: 2 de Outubro de 2018

EDITORIAL Nº 739 – 1/10/2018

serafim tavares
25º CONVÍVIO DOS EX GUARDAS FISCAIS
REALIZOU-SE EM MANGUALDE
Caro leitor
A exemplo do que se vem registando há já 25 anos, os ex agentes da extinta Guarda Fiscal realizaram no passado dia 21 de setembro em Mangualde, as Bodas de Prata dos seus convívios anuais.
A Guarda Fiscal foi extinta em 1993, daí para cá, todos os anos, no dia do seu padroeiro – S. Mateus – 21 de Setembro – tem assinalado a data com a realização de um convívio que junta todos os ex guardas fiscais a nível nacional, sendo que, este ano, atingiu as “Bodas de Prata”. São já 25 convívios realizados.
Nos últimos anos, a organização tem optado por fazer esta comemoração na cidade de Mangualde, como referem, por ser mais central e ter bons acessos, sendo que, para este fim, tem também contribuído muito o Presidente da Câmara Municipal de Mangualde.

20180922_105716

Neste encontro, a organização falou na possível criação de um Museu de antiguidade desta força aqui em Mangualde. Em Castelo Branco, no Quartel da GNR existe já este museu da ex Guarda Fiscal, mas, o seu comandante deu ordem para que em 8 dias todo o material fosse de lá retirado.
Este desabafo do Major Infante, foi ouvido por João Azevedo que de imediato disponibilizou um local para acolher este material e criar o mesmo Museu aqui em Mangualde.
Uma vez que também este ano, foi nomeada outra organização para estes eventos, o Major Infante deixou esta tarefa para os que o sucederam.
20180922_172031_003
Espera-se assim, que este museu venha para Mangualde, uma vez que aqui existiu o posto da Guarda Fiscal como segurança ao depósito franco da Citroen e será certamente uma mais valia para todos os mangualdenses. Como Corporação respeitadora e respeitada que foi, a Guarda Fiscal faz parte da história do país e entende-se que deve ser memorável para as gerações vindouras.
O convívio deste ano teve início com a concentração no Largo da Câmara Municipal de Mangualde, seguida de receção no Salão Nobre da Câmara pelo Presidente João Azevedo. Aqui foram ditas algumas palavras de ocasião, feita troca de lembranças e imposição da fita comemorativa no Estandarte dos Convívios.
Pelas 12.15 horas, celebrou-se Missa no Complexo Paroquial de Mangualde em sufrágio dos Colegas falecidos com leitura de Poema e entrega de pergaminho ao Sr. Padre Rocha.
Às 12h45 teve lugar a saída para a Quinta do Cisne onde teve lugar o almoço convívio no qual foram dadas as Boas vindas e o toque de soldado em honra e lembrando os Colegas já falecidos.
A tarde continuou com um Momento do Fado e Bailarico que antecedeu o Lanche/Jantar.

REFLEXÕES

DSC03818
DEMOCRACIAS DO MEDO
NUM PAÍS PEQUENINO
Não estou empenhada, de modo nenhum, em fazer a história do pós 25 de Abril. Para isso estão os historiadores. Já andam por aí publicadas muitas obras que permitem conhecer a evolução dos acontecimentos – os partidos que se formaram em 1974 e a sua força e os outros pequenos, Tornar-se assinante para continuar a ler…

Amamentar? Porque somos mamíferos!

Ana Cruz
Sendo algo natural associado à maternidade, o aleitamento materno é um direito da mulher e um benefício para a saúde da mãe e do bebé. Nos últimos anos tem existido um esforço na promoção do aleitamento materno, evidenciando a proteção biológica, o desenvolvimento cognitivo e psicoafectivo do bebé, não desvalorizando os benefícios para a mãe a nível reprodutor e maternal.
Tornar-se assinante para continuar a ler…

PONTUALIDADE

juiz
Ninguém ignora o que significa a pontualidade e é também do conhecimento geral que existem muitas pessoas que não se esforçam por ser pontuais.
Diz-se que uma pessoa é pontual quando respeita o horário estabelecido de modo geral ou aquele a que se comprometeu com outrem. Não se argumente que não podemos ser escravos dos ponteiros dum relógio. Tornar-se assinante para continuar a ler…