Arquivo diário: 18 de Abril de 2016

já arrancou a obra que vai fazer nascer a queijaria vale da estrela em mangualde

 

 

Arranque obra queijaria (2)

PRIMEIRA QUEIJARIA TRADICIONAL DE MANGUALDE

DEVERÁ COMEÇAR A LABORAR EM FINAIS DE SETEMBRO DE 2016

 

Na passada sexta-feira, dia 15 de abril, foi celebrado o auto de consignação que simbolizou oficialmente o arranque dos trabalhos da Queijaria Vale da Estrela. Trata-se de um investimento de cerca de 1.200.000€ do empresário e antigo ministro, o mangualdense Jorge Coelho. O momento contou com a presença de Jorge Coelho e do Presidente da Câmara Municipal de Mangualde, João Azevedo.

A intervenção, da responsabilidade da Empresa MAP Engenharia, Lda., tem a duração prevista de cinco meses e a entrada em funcionamento da queijaria deverá acontecer em finais de setembro do corrente ano. Nessa altura iniciará a receção de Leite e respetiva produção de Queijo Serra da Estrela DOP (Denominação de Origem Protegida) certificado e de Requeijão Serra da Estrela DOP.

A obra é financiada pela Caixa Económica Montepio Geral e tem como parceiro estratégico, relativamente a produção e recolha de Leite de Ovelha Bordaleira Serra da Estrela, a COAPE – Cooperativa Agro-Pecuária dos Agricultores de Mangualde.

 

FABRICO DO QUEIJO VISÍVEL DO EXTERIOR, POR FORMA A

PROMOVER AS VISITAS POR PARTE DE ESCOLAS E ATRAIR O TURISMO

Esta será a primeira queijaria tradicional do concelho de Mangualde. A nova unidade terá a designação de Queijaria Vale da Estrela e, numa primeira fase, vai criar 20 postos de trabalho sendo uma alavanca para a economia local. Com cerca de 950 metros quadrados, este novo espaço vai servir para produzir regularmente Queijo Serra da Estrela DOP certificado. O modelo da unidade vai incluir uma mezzanine, que permite que seja visível do exterior o fabrico do queijo, por forma a promover as visitas por parte de escolas e atrair o turismo.

GNR

 

DCIM101MEDIA

DCIM101MEDIA

Viseu – 19 detidos em operação de Combate ao tráfico de armas de fogo

Militares do Comando Territorial de Viseu detiveram, ontem, dia 17 de abril, nos distritos de Viseu e Guarda, 19 suspeitos de tráfico e mediação de armas, dando cumprimento a 33 mandados de busca e cinco mandados de detenção.

No decorrer da operação foi apreendido o seguinte material:

  • 51 armas de fogo;
  • 1625 munições de diversos calibres;
  • Três silenciadores;
  • Cinco cartucheiras;
  • 28 detonadores;
  • Uma mira telescópica;
  • 56 doses de heroína;
  • Diverso material para transformação e modificação de armas;
  • Cerca de 1800 peças de vestuário presumivelmente contrafeitas;
  • Seis telemóveis;
  • Um cofre;
  • 65 € (em numerário).

Entre os detidos estão 18 homens e uma mulher, com idades compreendidas entre os 21 e os 65 anos, que serão presentes a tribunal amanhã, dia 19 de abril.

Esta operação, envolveu militares dos Comandos Territoriais de Viseu, Guarda, Coimbra, da Unidade de Intervenção, num total de 220 militares, contando ainda com o apoio da Polícia de Segurança Pública (PSP).

O material apreendido está exposto para recolha de imagem, nas instalações do Comando Territorial de Viseu (EN16 Ribeira de Mide – Abraveses).

Para mais informações contactar o Comandante do Destacamento Territorial de Mangualde, Capitão José Lopes – 961 195 246.

Ministro do Trabalho, DA Solidariedade e DA Segurança Social Visitou Mangualde

DSC_0026

A CONVITE DA CÂMARA MUNICIPAL DE MANGUALDE REUNIU COM RESPONSÁVEIS DAS IPSS’S DO CONCELHO E FICOU A PAR DAS PREOCUPAÇÕES DOS DIRIGENTES LOCAIS

O Ministro do Trabalho, da Solidariedade e da Segurança Social, José Vieira da Silva, visitou Mangualde no passado sábado, dia 16 de abril. Acompanhado de João Azevedo, Presidente da Câmara Municipal de Mangualde, o Ministro visitou o Lar Padre António Pinto Lobinho, no Complexo Paroquial, onde ficou a conhecer algumas valências e serviços desta instituição. A convite da Câmara Municipal de Mangualde, Vieira da Silva reuniu, posteriormente, com os responsáveis das IPSS do concelho, onde ficou a par de algumas das preocupações dos dirigentes locais. O Ministro visitou ainda algumas das valências da Santa Casa da Misericórdia de Mangualde, nomeadamente o Lar Nossa Senhora do Amparo e o Lar Morgado do Cruzeiro.

(…) «FICAMOS ESCLARECIDOS SOBRE A VISÃO DESTE GOVERNO RELATIVAMENTE AOS INVESTIMENTOS E ÀS POLÍTICAS SOCIAIS». (…) «A REDE SOCIAL DE MANGUALDE QUE É, SEM DÚVIDA, UMA REDE SOCIAL COMPETENTE E SOLIDÁRIA» – JOÃO AZEVEDO

João Azevedo sublinhou que «foi uma honra receber o Senhor Ministro Vieira da Silva no nosso concelho e ficamos esclarecidos sobre a visão deste governo relativamente aos investimentos e às políticas sociais». Valorizou e felicitou «a Rede Social de Mangualde que é, sem dúvida, uma Rede Social competente e solidária, sempre com uma postura e atuação elevada e competente. Nas reuniões que tivemos essa postura ficou clara e não podia deixar de enaltecer o papel dos agentes que compõem esta Rede.»

Vieira da Silva encerrou a visita ao concelho de Mangualde com um jantar/conferência, promovido pela Santa Casa da Misericórdia de Mangualde, no âmbito do seu 403º aniversário.