OUVIR MÚSICA É BOM PARA A MENTE E PARA O CORAÇÃO!


Escutar música é bom para o espírito, para a saúde do coração e não só!
A música acalma igualmente a dor a ansiedade.
Então não vale a pena hesitar! Escutem quotidianamente as vossas músicas preferidas.
Música e saúde
Investigadores americanos analisaram uma série de estudos que respeitavam o efeito da música sobre a saúde realizados, a maior parte das vezes, junto de pessoas com problemas cardíacos. Constataram assim que o facto de escutar música diminui a hipertensão e a frequência dos batimentos cardíacos.
A música diminui a tensão arterial
Em relação aos doentes cardíacos que não escutavam música, os que se deixaram seduzir por uma música agradável durante 30 minutos por dia, viram a sua tensão arterial diminuir, assim como a sua frequência cardíaca e a angústia.
Como explicar esse fenómeno? A música melhora a circulação sanguínea. Mais precisamente, a música estimula a secreção de endorfina, uma hormona que actua sobre os vasos sanguíneos e provoca a sua dilatação. Em contrapartida, um trecho musical considerado desagradável ou stressante terá um efeito inverso com uma constrição dos vasos sanguíneos, desfavorável ao coração. Daí ser necessário escolher músicas agradáveis, alegres ou relaxantes.
A música atenua a dor
Após uma cirurgia cardíaca, as pessoas que escutam música começaram a referir uma atenuação das dores, em relação aos doentes que eram mantidos em silêncio.
A música diminui a ansiedade
Em pessoas que tiveram uma crise cardíaca, escutar uma música suave durante uma vintena de minutos, contribui para diminuir a ansiedade.
E que música escutar?
Vai depender do que pretendemos obter com música! Se queremos ânimo, devemos ouvir uma música bem ritmada, alegre, descontraída… Mas se o que se pretende é mais a tranquilidade, o relaxamento, devemos procurar ritmos mais lentos, mais tranquilos…
Pessoalmente aconselho a Música Clássica! Na música clássica encontramos todos os tipos de ritmos, de instrumentações que poderemos, facilmente, selecionar de acordo com o nosso estado de ânimo. Não consigo trabalhar sem escutar Mozart, Chopin, Beethoven e tantos outros génios da música!
Em conclusão, a música é benéfica para a mente, para a saúde em geral e, particularmente, para o bom funcionamento do coração.
1- Escutar música, diariamente é, portanto, uma boa atitude a tomar, mas é preciso escolhê-la bem. Deve ser agradável e relaxante.

CONCELHO DE MANGUALDE ASSINALA OUTUBRO ROSA

Grupo de Voluntariado da Liga Portuguesa Contra o cancro de Mangualde este ano vai levar o Outubro Rosa até quatro Freguesias do Concelho de Mangualde e uma empresa de Confeção C.B.I..
Dia 1 de Outubro na Freguesia de Quintela de Azurara terá lugar uma Ação de sensibilização pelas 21horas com o tema “Prevenção do Cancro da Mama”.
Dia 9 de Outubro e sob o mesmo tema, na Freguesia da Freixiosa terá também lugar uma Ação de sensibilização pelas 15horas.
Dia 16 de Outubro será a vez da União de Freguesias de Tavares com uma Ação de sensibilização, pelas 11.30horas, sob o tema “Prevenção do Cancro no geral e Alimentação”.
Dia 23 de Outubro na Freguesia de Espinho, no Centro Comunitário de Água Levada, pelas 16horas, uma Ação de sensibilização com o tema “Prevenção do Cancro no geral”.
Dia 31 de outubro na Industria de Confecções C.B.I.
Mais informações sobre estas ações, poderão ser vistas nos cartazes informativos que irão ser colocados nos locais habituais
 
Outubro Rosa
É uma campanha anual realizada mundialmente em outubro, com a intenção de alertar a sociedade sobre o diagnóstico precoce do câncer de mama. A mobilização visa também à disseminação de dados preventivos e ressalta a importância de olhar com atenção para a saúde, além de lutar por direitos como o atendimento médico e o suporte emocional, garantindo um tratamento de qualidade.
Durante o mês, diversas instituições abordam o tema para encorajar mulheres a realizarem seus exames e muitas até os disponibilizam. Iniciativas como essa são fundamentais para a prevenção, visto que nos estágios iniciais, a doença é assintomática.

Sobre o cancro de mama
O cancro de mama é um tumor maligno que ataca o tecido mamário e é um dos tipos mais comuns, segundo o Instituto Nacional do cancro. O cancro desenvolve-se quando ocorre uma alteração de apenas alguns trechos das moléculas de DNA, causando uma multiplicação das células anormais que geram o cisto.

A importância da mamografia
Segundo o Instituto de Oncologia, diagnosticar o cancro precocemente aumenta significantemente as hipóteses de cura, 95% dos casos identificados em estágio inicial têm possibilidade de cura. Por isso, a mamografia é imprescindível, sendo o principal método para o rastreamento da doença.
 
Estatística do Cancro da Mama
O cancro da mama é um relevante problema de saúde pública. Segundo os dados estatísticos mais recentes (Globocan, 2021), o cancro da mama é o mais frequente (prevalente) em Portugal e em todo mundo.
Em 2020, no nosso país, estima-se que 7000 mulheres tenham sido diagnosticadas com cancro da mama e 1800 tenham morrido com esta doença. Apesar de ser o tipo de cancro mais incidente na mulher (com maior número de casos), cerca de 1 em cada 100 cancros da mama desenvolvem-se no homem.

Responsável do grupo de Voluntariado do Concelho de Mangualde.
Manuel Marques

ACIDENTE FERROVIÁRIO DE ALCAFACHE ACONTECEU HÁ 37 ANOS


No passado dia 11 de setembro assinalou-se o 37º aniversário do acidente ferroviário de Alcafache. O mais trágico acidente ferroviário português, que levou à morte de 49 pessoas. Contudo, 64 continuam ainda hoje como desaparecidos. Corpos que ficaram totalmente carbonizados e nunca foi possivel a sua identificação.
Como habitualmente, nesta data, foi prestada homenagem às vitimas deste acidente pela Junta de Freguesias de Espinho, pela Câmara Municipal de Mangualde, pela COMAFA - Comissão Organizadora do Movimento Acidente Ferroviário de Alcafache e pelos Bombeiros Voluntários de Mangualde e Nelas.

APOIO ÀS BANDAS FILARMÓNICAS DO CONCELHO DE MANGUALDE


O Presidente da Câmara Municipal de Mangualde, Marco Almeida, assinou o protocolo de apoio às Bandas Filarmónicas do concelho de Mangualde, nomeadamente a Associação Filarmónica da Boa Educação de Vila Cova de Tavares, Associação Humanitária e Cultural de Abrunhosa-a-Velha, Sociedade Filarmónica Lobelhense e a Sociedade Filarmónica de Tibaldinho.
Para o autarca mangualdense, “as Bandas Filarmónicas do concelho são cruciais, não só ao nível musical e cultural, mas fundamentalmente como instituições que preservam e promovem a identidade local, reforçam a coesão social e possibilitam, principalmente aos jovens, uma fácil entrada no meio artístico musical. Por estas razões decidimos reforçar o apoio face aos anos anteriores. Não podemos perder este património cultural do concelho.”

VILA COVA DE TAVARES CELEBROU A SUA PADROEIRA SANTA EUFÉMIA


No passado fim de semana, 10 e 11 de setembro, a localidade de Vila Cova de Tavares realizou a festa anual em honra da mártir Santa Eufémia, este ano, já regressados os moldes habituais, depois do interregno e alterações impostas pela pandemia.
Pelas 9h00 do dia 10, foi celebrado o Jubileu da Irmandade e pelas 13h00 deu-se a abertura do bar. À noite o Grupo Musical K5 atuou e animou o público presente até de madrugada.
O dia de domingo começou com uma arruada pela Banda Filarmónica desta localidade, seguindo-se celebração da Eucaristia em Honra de Santa Eufémia, presidida pelo Revº Pe. António José Clementino, acolitado pelo diácono permanente António Manuel, na qual também estiveram presentes, o Presidente da Câmara Municipal de Mangualde, Marco Almeida e o Presidente da União de Freguesias de Tavares, Alexandre Constantino.
Após a celebração, seguiu-se a procissão pelas ruas da povoação, presidida pelo diácono permanente António Manuel, onde se incorporaram, além do andor de Stª Eufémia, outros andores, a banda Filarmónica e ainda, muitos populares, não só residentes, mas também aqueles que neste dia se deslocam a Vila Cova de Tavares para festejar e estar reunidos com familiares e amigos.
A tarde foi de animação, com o leilão de ofertas, um concerto da Banda Filarmónica e um lanche partilhado.

MAIS DE MIL PESSOAS ASSISTIRAM AO MANGUALDE FASHION 2022


Evento contou com a participação de 27 lojas do comércio local
e teve como modelos convidados Ricardo Guedes e Cláudia Belo
O Largo Dr. Couto, em Mangualde, encheu-se de visitantes na noite de sexta-feira, dia 2 de setembro. O local acolheu mais de mil pessoas que quiseram assistir ao “Mangualde Fashion”. O evento contou com a presença do Presidente da Câmara Municipal, Marco Almeida.
A iniciativa “Mangualde Fashion” é um desfile de moda que visa promover e dinamizar o comércio e as marcas locais, bem como dar uma oportunidade no mundo da moda aos jovens que sonham enveredar por esse caminho. Os manequins Ricardo Guedes e Cláudia Belo subiram ao palco numa noite em que a moda foi rainha.
Estiveram na passerelle mais de uma centena de modelos, que desfilaram com roupas, adereços e penteados dos lojistas locais.  Os participantes enquadram-se em várias faixas etárias, desde os 3 anos até à idade sénior, sendo representada por um grupo de senhoras da Universidade Sénior de Mangualde.
A 9ª edição do “Mangualde Fashion” envolveu a participação de 27 lojas do comércio local: pronto-a-vestir, acessórios, ourivesarias, sapatarias, cabeleireiros, barbearias, maquilhagem, óticas, entre outras.  No desfile estiveram representadas as marcas Ergovisão, Soft, Xock, Rodeo Company Sportswear e Rodeo Company Kids, Pereirinha Ouriversarias, Vitó Moda Jovem, Carlinha Pronto a Vestir,   Sapataria Fernandos,  Óptica Beira Alta e Óptica Médica das Beiras, Konsenso, Rossio 77, Espelho Mágico Cabeleireiro, Nova Gente Cabeleireiro, Fátima Abrantes Cabeleireiro, RARI Cabeleireiros, Salão Lenita, Barbearia Viegas, Barbearia Cravo e Canela, Sofia Gomes Make Up, Margarida Pinto, Art & Lã, Filipe Coelho Produções Fotográficas, Somnium – Noivas e Cerimónia, Papelaria Adrião e Pacheco Optivisão.
Este evento teve ainda a animação e apoio do Centro de Estudos Musicais Nancy, que apresentou dois momentos de dança com os Grupos Danceteen e Danceteen Top.

NOVO CARTÓRIO NOTARIAL EM MANGUALDE


Abriu portas em Mangualde, no passado dia 9 de setembro, o novo Cartório Notarial a cargo da Drª. Alexandra Manuela Lemos do Vale Lopes.
Encontrava-se até esta data em funcionamento na cidade de Mangualde um Cartório, em substituição, por aposentação da anterior Notária da cidade.
Depois de aberto concurso público e, tendo como base para primeiro critério de seleção a antiguidade, foi atribuída licença para abertura de Cartório Notarial em Mangualde, à Drª Alexandra Manuela Lemos do Vale Lopes, anteriormente Notária em Sever do Vouga e agora, oficialmente Notária de Mangualde.
A nova Notária de Mangualde, tem agora à sua guarda o acervo notarial do concelho e mostra-se esperançosa no crescimento do seu Cartório, colocando-se à disposição dos Mangualdenses para ajudar da melhor forma possível nos assuntos que lhe forem confiados.
Com localização próxima do anterior Cartório, perto dos vários serviços e facilidade de estacionamento, o Cartório Notarial Alexandra Vale Lopes, está situado na Rua Papa João Paulo II, nº 22 R/ch Esquerdo em Mangualde. Dispõe também para contato o Email: cartorio.mangualde@gmail.com ou telefone número 232243756.
A título de curiosidade, referir que a tomada de posse da licença de instalação do Cartório Notarial de Mangualde teve lugar no passado dia 7 de setembro, perante o Secretário de Estado da Justiça, Pedro Tavares e o Bastonário da ON, Jorge Batista da Silva.
Além da Drª Alexandra Vale Lopes, tomaram também posse mais 23 notários, permitindo assim, que os cidadãos possam agora contar com serviços notariais em mais 24 cartórios notariais, espalhados pelo país, 11 dos quais situados em concelhos onde se inaugura este serviço.

Aquilino Ribeiro – Homenagem Singular


“Eu sou um artista rude, filho da minha terra!”
Assim se considerava Aquilino Ribeiro, nascido em 13 de Setembro de 1885 na Aldeia de Tabosa do Carregal, Sernancelhe.
Na passada terça feira, 13 de Setembro passaram 137 anos sobre o seu nascimento.
Faleceu em Lisboa em 27 de Maio de 1963.
Tive a honra e o prazer de o conhecer pessoalmente, no Porto, na Casa da Beira Alta, onde veio fazer uma Conferência a convite de meu tio Dr. Amândio Marques, na altura Director desta Colectividade.
Mestre Aquilino Ribeiro é um dos mais fecundos romancistas da primeira metade do Sec. XX.
Obreiro das Letras, do Romance, do Conto, da Novela, de Estudos Etnográficos e Históricos, da Literatura Infantil e do Jornalismo polémico.
A Cidade de Viseu prestou-lhe uma justa homenagem com uma estátua, em bronze, na Rua Formosa, mesmo em frente ao antigo Mercado.
É Autor desta estátua Yuraldi Rodrigues Puentes, escultor de nacionalidade cubana, mas residente há muitos anos em Viseu.
Tive o prazer de o conhecer e conversar sobre a sua vasta obra, no passado dia 8 de Setembro no emblemático Café Eça de Queiroz, em Viseu, escolhido de propósito por ter o nome de um dos maiores vultos da Literatura Portuguesa.
Juntou-se à Tertúlia, Jerónimo Costa, uma das personalidades de Viseu mais ligadas à obra de Aquilino Ribeiro. E os três passamos algumas horas deliciosas, saboreando um café e as mais diversas passagens das Obras do Mestre Aquilino.
O Concelho de Mangualde tem muito a ver com Aquilino Ribeiro. Factos interessantes e desconhecidos se passaram aqui, tendo Aquilino como autor.
E para serem conhecidos, o Jornal Renascimento vai realizar uma tertúlia na Biblioteca Municipal de Mangualde, em Outubro, onde Jerónimo Costa falará de Aquilino, da sua Obra e da sua relação com Mangualde. Vai estar presente o Escultor Yuraldi que dará pormenores sobre a estátua que concebeu.
Aquilino Ribeiro jaz no Panteão Nacional em Lisboa.
Durante toda a sua vida teve um mote:- “Alcança quem não cansa!
E no seu Epitáfio: - “Mais não Pude!”

António Fortes